Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto 3, 2014

Jornadas...as que temos que fazer e as que somos obrigados a fazer...

...Não faça tantas perguntas nem queira saber todas as verdades, a jornada é o importante, então, siga em frente... figura reproduzida Pois é, nascemos com o desejo natural e instintivo de ser feliz. Somos convidados pela vida para construir belas coisas, não importa se você é rico ou pobre, o objetivo de todos é realizar.
E de repente esbarra em tantos desafios. Uns que sabe e reconhece que terá que passar e outros que é pego de surpresa, de lado, raspão e tem que ter coragem para seguir em frente.

Percorremos jornadas porque queremos faze-las e, às vezes, as realizamos porque não temos escolha. A jornada do medo, da perda, da solidão, do inverso e reverso de tudo que sempre acreditou e mesmo assim, não tem jeito, vai ter que pisar na estrada e com valentia defender-se dos ventos fortes e das tempestades cruéis.

E uma jornada é realmente algo bonito. Bonito quando trás boas novas, quando a cada curva observamos que foi possível superar uma etapa e, de quebra, veio a alegria. No entanto, m…

O amor nas redes sociais...

…Ei! Já esteve em uma situação como essa? Cuidado! Você pode estar sofrendo da Síndrome das Redes Sociais…
E hoje o post é o texto que escrevi para o site onde sou colunista "Bolsa de mulher". Vale a pena ler... Beijos Beth Valentim
figura reproduzida
ACESSE o link***

http://blogs.bolsademulher.com/BethValentim/2014/08/07/o-amor-nas-redes-sociais/

Quem sou no presente...Importa?...

...E esse momento de reflexão me faz acreditar que tudo vale a pena... figura reproduzida Talvez você se pergunte muitas vezes sobre como tem caminhado em sua vida. Quem sabe descontrola-se e fica a distancia observando as pessoas passarem e imaginando que são muito mais felizes do que está hoje ou sempre esteve. Perde-se muito tempo avaliando o próximo e esquecendo que a sua essência é a importante, a que fica guardada em um coração muitas vezes aflito e outras vezes tão em paz. E nessa de refletir sobre quase tudo de tudo o mais que poderia existir dentro de mim, parei próximo ao mar e fiquei a olhar aquela espuma que vinha bater na areia, o azul esplendido, o céu curvando-se para abraçar a água e o espetacular sol que aquecia minha pele...

E fiquei como em uma oração sentada com os joelhos segurando meu queixo, porque acredito que naquele momento ele cairia de emoção. Eu me sentia mais completa do que jamais me sentira antes, o vazio preenchido por um sentimento de paz , pela certeza …

Poucas palavras...

...Às vezes é bom "fechar a boca" e sentir o que estiver dando cambalhotas por dentro... figura reproduzida Quanto tempo esse tema está fora do ar, não é mesmo? Talvez seja o tempo das múltiplas palavras, mas hoje é dia de poucas...Sim, das que ficam suas hastes no chão da alma e ficam por lá atiçando o fogo das resoluções.

E hoje é dia de poucas palavras...Aquele quase silêncio dos sábios, das verdades ditas ou não ditas, mas sentidas com o amor latejante do coração.

E enquanto algumas pessoas soltam as letras sem eira nem beira, ficamos por aqui com essas mínimas, mas que dizem muito, porque quando existe sentimento um "não" pode dizer muitas coisas e um "sim" quase nada...

Não acredite em trechos enormes, mas naqueles que tocam profundamente.
Não acredite em discursos infindáveis e que perdem o sentido no meio do caminho.
Acredite nas escolhas excelentes, nos caminhos estreitos e que possuem frestas para o céu. Por ali passam os pássaros e até os anjos e você…

Encontro marcado...

...E de repente você acontece...eu aconteço, nós acontecemos como em um encontro marcado... figura reproduzida Não, não é sobre aquele filme famoso que mostra cenas sensacionais e que nos deixa imaginando a vida e a morte. A felicidade, o amor depois de tudo que se foi...Sim, não é sobre um filme, sequer cenas de teatro ou coisa assim, mas de realidade, de coisas que acontecem e que não sabemos a razão pela qual acontecem, mas acontecem, pode crer...

Um encontro marcado de verdade é um encontro de almas. Sim, algo que não se explica, não tem a ver com planos, mas com as mensagens que duas pessoas enviam mesmo distantes. Elas sentem-se tão bem uma com a outra que vagam nos sonhos, tentam superar a situação que lateja na mente, mas não tem jeito, ao menor contato explode quase tudo...o desejo, a vida, os beijos, os abraços, as verdades e as mentiras.

Aprendi com o tempo que nem sempre controlamos as emoções. Elas dilatam o peito e podemos estremecer em outro peito, mesmo sem querer, sem que…