Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro 28, 2018

Coração caçador...

Hoje é de ELA para ELA... figura reproduzida
Você imagina coisas. Sai com seu vestido lindo e sonha com o beijo encantado. Claro, você é mulher, o coração púrpura, a pele sedosa, os lábios de mel. A cada noite perdida retorna como se fosse princesa esquecida e depois entende que não é assim que se encontra o amor, muito pelo contrário, aprende que as pessoas se descobrem, mas sem pozinhos mágicos ou mesmo sonhos de infância como roteiro.

Tem mais de vinte anos, trinta, quarenta, cinquenta, sessenta, setenta e por aí vai e mesmo assim não desiste de tentar amar. Pois é, mas agora com coração vivo e coração caçador. Coração que pulsa com o sangue borbulhante e cheira como se fosse flor.

E enquanto a vida passa, claro, você entende que o amor próprio é muito maior do que todos os outros. Que amar-se infinitamente é a glória das sábias mulheres, das que souberam se reinventar e entregarem-se a felicidade real.

Alegrias etéreas são as que nos fazem voar, mas é preciso muito pé no chão para comp…

Reflexão amorosa...

É tão bom quando a gente se encontra...Como evitar... figura reproduzida Chega o dia que você tem que começar a olhar com outros olhos esse relacionamento. Tantos anos e os dois não se esquecem. Seria somente sexo, sedução e atração carnal ou algo maior os liga e sequer um dos dois percebe.

Pois é, sentimentos que sobrevoam a vida, nossa! Quanto tempo de vida e nada se pode fazer. Encontram-se e se derretem. Lembram de tudo, cada detalhe. Ficam horas rindo de si mesmos como se fossem as crianças do passado. Como avaliar tal situação?

Amantes.
Enamorados.
Amigos.

Enfim, qual seria a nomenclatura para definir duas pessoas que se fosse possível, ficariam juntas.

Bem, existem obstáculos e muitas vezes são muitos e quase intransponíveis. Porém o amor dá um jeito de encontrar o outro amor. Fica atrás. Desperta a memória para a atualidade. E se for assim, pode apostar, não existe alguém que possa separar um sentimento desse naipe e sequer questões que afaste.

O amor é um mistério e talvez nunca se de…

Sobre algo da felicidade...

E ELA procurava os caminhos mesmo na dor... figura reproduzida
Linda era uma mulher excepcional. Vivia a vida feliz, mesmo sabendo que os seus dias estavam contados. Foi um exemplo para muitas pessoas e para mim, ela, a que saiu de mim para contar um pedacinho sobre a felicidade, enfim, ficou para sempre com essa sua energia do bem e da alegria...
Se você ainda não leu esse livro "Essa tal felicidade", não sabe o que está perdendo.
Esse é apenas um trecho de uma das lindas histórias que ilustram a tal felicidade...a minha, a sua, a de todos nós.
Em livrarias como iTunes, Google Play, Amazon, entre outras.

Beijos
Beth Valentim